Propaganda topo

Crônicas de um artista - Serendipidade

Foto: reprodução

Negar o meu eu é o que um artista faz...as emoções são sempre mascaradas com intenção de agradar a plateia correndo o risco de não ser aceito ... sorrindo/chorando ...engando sua dor, escondendo o sentimento do amor ou desamor...é hora de interpretar.
Claramente o desejo da serendipidade e como recompensa receber as palmas no final do espetáculo.
E, mesmo com a alma ferida, não importa, assim é a sua vida ...ele é um artista...vivendo emoções que não suas, colocando máscaras, adereços e a maquiagem adequando-se a relevância poética...
Pois quando. a plateia delira...e a persona se desfaz da personagem ..o mesmo encontra-se com o sentimento de que nada nessa vida ...é tão recompensador do que ser um ARTISTA.


Postar um comentário

0 Comentários