Propaganda topo

TCU manda Banco do Brasil suspender publicidade em sites acusados de espalhar fake news

Foto: Reprodução


O ministro Bruno Dantas, do Tribunal de Contas da União, acaba de mandar o Banco do Brasil parar de anunciar no site Jornal da Cidade Online, que recebe publicidade do banco.

"Não é legítimo que um ente público financie sites acusados de propagar notícias falsas. (...) No que concerne ao pedido para que seja imediatamente suspensa a monetização, pelo Banco do Brasil, do site apontado na representação do Ministério Público de Contas e de outros possíveis criadores e disseminadores de notícias falsas, entendo que os requisitos para a concessão da cautelar estão sobejamente demonstrados".

O ministro afirmou em sua decisão que o mesmo deve se estender a outros entes públicos.

"Havendo o menor indício de disseminação de atos antiéticos e de notícias falsas, gerando desinformação da população, é dever do Banco do Brasil e de qualquer ente público suspender imediatamente os respectivos anúncios, com ordem explícita para a retirada da publicidade oficial do ar", escreveu Dantas.

Postar um comentário

0 Comentários