Propaganda topo

Prefeitura do Recife proíbe venda de fogueiras e fogos de artifício

Foto: Edmar Melo/JC Imagem
As comemorações juninas este ano na capital pernambucana sofrerão alterações com a proibição, pela Prefeitura do Recife, da venda de fogueiras e fogos de artifício. A Secretaria de Mobilidade e Controle Urbano do Recife (Semoc) informou que não irá publicar a autorização para a instalação das 44 barracas de venda de fogos de artifício e de fogueiras na cidade. 

A principal justificativa do órgão é a pandemia de covid-19. A doença, que afeta o sistema respiratório-pulmonar do infectado, poderia se agravar com a inalação de fumaça proveniente de fogueiras e fogos.
Os comerciantes desses produtos que estão cadastrados pela Prefeitura do Recife serão contactados pela Semoc para receber apoio e cestas básicas.
Outra demanda para a proibição de fogueiras e fogos este ano vem de pessoas preocupadas com crianças pequenas, idosos e portadores de condições especiais, como autistas, além dos animais de estimação, que sofrem com o intenso barulho causado pelos fogos de artifício.

Fiscalização e denúncias

A fiscalização das vendas ficará a cargo das equipes da Secretaria de Mobilidade e Controle Urbano e do Procon Recife, que têm realizado diariamente o ordenamento e controle comercial para cumprimento dos decretos estaduais e municipais de combate à Covid-19.
Denúncias de venda irregular podem ser feitas de acordo com a área da cidade em que a irregularidade está acontecendo:
Regional Centro-Oeste: Whatsapp: 99110-1789/ E-mail: centrooestedircon@gmail.com
Regional Norte: Whatsapp: 99159-1493/ E-mail: nortedircon@gmail.com
Regional Sul: Whatsapp: 99485-0083/ E-mail: suldircon@gmail.com

Postar um comentário

0 Comentários